FAF apresenta diretriz técnica para o retorno dos jogos; acesse o documento

FAF apresenta diretriz técnica para o retorno dos jogos; acesse o documento

O Departamento Técnico da Federação Amapaense de Futebol (FAF) apresentou nesta quinta-feira, 20/08, a diretriz técnica operacional que orienta o retorno das competições a partir do próximo sábado, no jogo de semifinal do Campeonato Sub-17. O documento foi construído pelas diretorias da FAF e contém as regras e procedimentos que devem ser cumpridos para segurança de todos no cenário pandêmico vivido pelo mundo.

O documento regulamenta os conceitos estabelecidos pelo Guia Médico de Sugestões Protetivas Para o Retorno às Atividades do Futebol Brasileiro, criado pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

“O objetivo é esclarecer sobre protocolos que devem ser aplicados e os detalhes da operação das partidas. O início e reinício dos campeonatos seguem as recomendações do Governo do Amapá e Prefeitura de Macapá”, explicou Manoel Figueira, diretor do Departamento Técnico da FAF.

Essas e outras orientações estão presentes no documento apresentado pela FAF aos dirigentes de clube, imprensa esportiva e arbitragem. Acesse aqui Diretriz operacional volta aos campos – FAF

Principais regras:

  • Total de pessoas no estádio: 127, divididos da seguinte forma: 5 da FAF, 5 da Arbitragem, 33 do clube mandante, 33 do clube visitante, 16 da imprensa esportiva, 8 funcionários do estádio, 5 de serviços gerais, 12 da força pública e 8 de natureza essencial.
  • Todos os presentes terão passado pelas testagens realizadas pela FAF.
  • É obrigatório para acessar o estádio o uso de máscaras, mantendo-se no decorrer do trabalho o uso das máscaras e o distanciamento recomendado pelas autoridades de saúde.
  • Deverá ser disponibilizado álcool em gel em toda sala, todos os vestiários, no banco de reservas e na mesa do 4º árbitro. Cada clube, tanto mandante, quanto visitante será responsável pelo álcool em gel ou álcool 70%.
  • Todos os presentes serão submetidos ao controle de temperatura corporal antes de adentrar
  • As chegadas das delegações e da equipe de arbitragem deverão respeitar o minuto-a-minuto de cada grupo de competição. As chegadas nunca poderão coincidir o estádio.
  • O cumprimento tradicional entre os atletas não deverá ocorrer.
  • Será adotado minuto de silêncio em todas as partidas até o final da temporada 2020, em memória de todos as vítimas da pandemia no Amapá.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale Conosco